Como a nuvem está transformando o relacionamento com os fabricantes de software

fevereiro 22, 2017

Em um passado, não muito distante, os fabricantes de software focavam principalmente na oferta de produtos ocasionais para atender às necessidades operacionais de seus clientes por meio de um processo que normalmente terminava no momento da aquisição.

Então, chegou a nuvem…

Esta revolução aconteceu de forma bem rápida para os fornecedores e clientes, especialmente nas áreas de TI e de negócio. A TI começou a adotar mudanças na cultura organizacional, que incluíram um aumento no poder de decisão a respeito de aquisições e uma relação direta com provedores.

Competitividade e valor acrescentado

Do outro lado, os principais fornecedores de soluções tecnológicas também foram forçados a repensar suas estratégias de negócios e começar a entender que cada empresa requer soluções “sob medida” e serviços a longo prazo.

Foi assim que os fabricantes começaram a se preocupar em oferecer serviços cada vez mais abrangentes e eficazes e assegurar apoio flexível à necessidade do cliente no processo de migração para  a nuvem por meio da implementação dessas soluções.

Segundo um estudo realizado pelo Instituto Gartner, em 2017 os investimentos das empresas em Cloud no Brasil devem chegar a US$ 4,5 bilhões.Já o IDC Brasil apurou que o mercado de cloud pública no país deve ter um crescimento de 20%, tendo US$ 890 milhões injetados.

E, manter o ambiente na nuvem sob controle é atualmente uma tarefa que requer sincronicidade entre fornecedor e cliente, e graças à democratização da informação, as empresas sabem exatamente as ferramentas que elas precisam aplicar durante os processos de negociação e implementação das soluções.

No entanto, graças à grande diversidade de ofertas no mercado, tanto equipes de TI quanto os times especializados em áreas financeiras e/ou compras devem ser articulados a optar por um fornecedor capaz de satisfazer as suas necessidades em termos de privacidade, operação e suporte.

Como apontou o Instituto Gartner, até 2021, mais de 50% das empresas que já realizaram a migração terão toda sua estratégia baseada na nuvem. E você, vai ficar para trás?

Se você ainda tem dúvidas que a nuvem é o futuro e o futuro é agora, leia nosso conteúdo especial. É grátis!

Powered by Rock Convert
Equipe de Redação

Autor

Equipe de Redação

Deixa uma resposta