Gestão de ativos de software: conheça as 5 principais vantagens

agosto 23, 2017

A gestão de ativos é assunto muito popular entre os empreendedores e administradores do mundo todo. Mas, afinal, o que é gestão de ativos de software? Primeiramente, devemos entender o que é um ativo. O conceito de ativo define algo de valor que uma empresa possui e que está associado a riscos e benefícios.

O software que uma empresa utiliza, que é constituído pelo direito de utilização e deve ser documentado em contrato é um ativo de software. A gestão de ativos de software é a prática de gerenciar este software em toda a vida do negócio.

Mas, quais são as vantagens de realizar a gestão de ativos de software? Se você está em busca da resposta a essa pergunta, veio ao lugar certo. Acompanhe o texto a seguir e descubra!

1. Redução de custos

Essa gestão contribui com a redução de custos da empresa, pois elimina ou realoca licenças subtilizadas. A gestão desses ativos também evita o pagamento de indenizações ou multas por qualquer descumprimento de contrato.

Uma gestão bem-feita evita surpresa com os custos de um software inesperado. Além disso, a despesa de operação tende a diminuir com o tempo, na medida que sua empresa segue processos padronizados, diminuindo as chamadas de suporte e melhorando o desempenho da rede.

2. Redução de riscos

Com as licenças documentadas e controladas de forma eficaz, a chance de a equipe utilizar um software pirata diminui bastante, evitando riscos de vulnerabilidades, invasões ou vírus e dando a tranquilidade de saber que sua empresa está utilizando produtos originais e com todos os benefícios associados. Caso sua empresa sofra alguma auditoria, você está assegurado de que não está utilizando nada inapropriado.

3. Aumento da produtividade

Ao realizar uma boa gestão de ativos de software, a empresa garante um controle melhor dos materiais de referência e de suporte do seu sistema. O acesso a esses materiais de apoio faz com que os usuários errem menos e ganhem mais tempo, aumentando a sua produtividade.

Ao garantir que todos os colaboradores estejam utilizando a mesma versão de um programa, não haverá conflito de arquivo e nem problemas de compartilhamento, melhorando a comunicação.

4. Gerar vantagem competitiva

A gestão de ativos de software fornece informações confiáveis que podem ser utilizadas para monitoramento e provimento de ativos que satisfaçam requisitos de negócios futuros. Ter conhecimento de seus ativos e conhecer onde eles podem ser melhor utilizados permite que você tome decisões estratégicas mais certeiras. E até mesmo antes de seus concorrentes!

5. Segurança em TI

Um bom plano de gestão de software ajuda a sua empresa a se recuperar de forma mais rápida de prejuízos como perda de dados ou provas de propriedade. Uma boa gestão permite um inventário atualizado e centralizado de todos os títulos e licenças de software de sua empresa, garantindo a segurança com backups de todos os registros e materiais importantes.

É necessário que o mercado se conscientize de que a gestão de ativos de software oferece vantagens estratégicas que trazem benefícios a curto e longo prazo. E não são importantes apenas para o setor de TI, mas sim para a empresa como um todo.

Aproveite e confira também nosso ebook sobre como a nuvem pode resolver seus problemas de TI.

Equipe de Redação

Autor

Equipe de Redação

Deixa uma resposta