Mudança de SLA para uma única instância de máquina virtual no Azure

dezembro 21, 2016

Durante anos, a Microsoft declarou que para garantir um SLA de 99,95% para Máquinas Virtuais no Azure era necessário possuir duas ou mais máquinas virtuais dentro de um Conjunto de Disponibilidade.

Fato é que para uma única instância de máquina virtual no Azure não havia qualquer nível de SLA garantido e esse fator gerava um certo grau de desconfiança por parte dos clientes que não possuíam redundância de instância de máquina virtual em um conjunto de disponibilidade.

Agora, não mais!

Agora, é possível obter um SLA de 99,9% para uma única instância de máquina virtual no Azure! Essa mudança é perfeita para clientes SMB que buscam alternativas para, por exemplo, criar um controlador de domínio secundário no Azure ou mover seu primeiro workload de aplicação para o Azure, e ainda assim possuir um bom nível de confiança quando o assunto é disponibilidade.

Vale lembrar que para garantir o SLA de 99.9% de uma única instância virtual no Azure, a mesma deverá possuir todos os discos em uma conta de armazenamento premium, ou seja, todos os discos deverão ser SSD (solid-state drive).

Já o nível de SLA de 99,95% para duas ou mais instâncias de máquina virtual dentro de um conjunto de disponibilidade será mantido independente do tipo de disco, SSD ou HDD, que as mesmas possuam.

Para ter acesso ao anúncio oficial, clique aqui!

Entenda como a migração para a nuvem vai ajudar sua empresa a manter-se atualizada, acesse nosso material!

Tiago Vieira

Autor

Tiago Vieira

Profissional da área de TI há mais de 15 anos com foco em infraestrutura de TI. Atualmente atua com foco em soluções de produtividade e infraestrutura em nuvem, tais como, Office 365, Azure e AWS. Linkedin

Deixa uma resposta