Privacidade de dados – Desafio emergencial nº 1 para empresas

setembro 19, 2019

Com o GDPR Europeu (Regulação de Proteção de Dados Gerais) agora em seu segundo ano – e uma série de outras regulações sendo consideradas ao redor do mundo, como a LGPD no Brasil e outras leis na Índia, Japão, Coreia do Sul e Tailândia – a privacidade de dados é agora um requisito dispendioso e complexo em que todas as empresas terão de lidar em breve.

Globalmente, há uma correção de curso pró-consumidor poderosa a caminho. A contínua má repercussão associada com violações diárias de dados pessoais está criando um cenário onde os consumidores estão começando a finalmente compreender que eles são os “produtos” no mundo da mídia social gratuita e publicidade on-line.
As empresas digitais criadas com base nesse modelo estão vendo seus negócios sob crescente pressão de regulamentos e de consumidores.
O Facebook é o principal exemplo de uma empresa desse tipo e está se recuperando de divulgações de dados de consumidores mal protegidos e de um apelo para que seu modelo de negócios seja alterado.

Como isto afetará as empresas de tecnologia?

Pode ser muito cedo para dizer. Pode-se dizer que serão necessárias multas enormes para muitas empresas antes que o setor tome conhecimento. Uma grande multa na base de bilhões é esperada para o Facebook a qualquer dia desses.

Muitos acreditam que as empresas que coletam dados de usuários e os monetizam podem ser alvo de litígios em massa com ações coletivas. .

GDPR vs. CCPA (Lei de Privacidade de Consumidor da Califórnia)

Nos EUA, a Califórnia já anunciou a CCPA, que entra em vigor em 1 de janeiro de 2020. Outros estados estão empurrando legislação similar através de seu sistema.

Quem deve cumprir?

GDPR se aplica a todos os negócios que processam dados de cidadãos da UE, independentemente de sua localização ou tamanho. A CCPA apenas se aplica a empresas com base na Califórnia com uma receita acima de US$ 25 milhões de dólares ou aquelas cujo negócio primário é a venda de informações pessoais.

Multas financeiras

O GDPR exige multas por não-conformidade que podem alcançar até 4% do volume de negócio global anual da empresa ou 20 milhões de euros (a quantia que for maior). Multas de CCPA são aplicadas por violação (até um máximo de US$ 7.500 por violação) e não são limitadas.

Direitos do consumidor

Ambas as regulações dotam o consumidor com direitos específicos como o direito de ter informações excluídas ou acessadas.

O uso da criptografia é endereçado em ambas as leis

Ambas as leis pedem por criptografia de dados, tornando isso um componente essencial de proteção de privacidade para as empresas.

Poderíamos ver uma Regulação de Privacidade para os EUA em 2019?

Os prospectos disto acontecer são de escassos a nenhum.

O GDPR levou entre 6-10 anos para ser promulgado. A Legislação tradicionalmente se move a um ritmo muito lento nos EUA e esse processo é apenas o começo. Uma ouvidoria da Câmara dos Deputados dos EUA sobre privacidade do consumidor largamente dispensou a Regulação de Proteção de Dados Gerais da UE e a Lei de Privacidade de Consumidor da Califórnia como a base para legislação de privacidade federal futura.

Empresas de Tecnologia estão pedindo por regulações

Estamos num mundo novo onde algumas das mesmas empresas que monetizam dados pessoais, agora acreditam que a regulação é inevitável. Além do Facebook e Google nessa categoria, outros como a Apple e a Microsoft agora também estão pedindo por regulações de privacidade. 

O prospecto de ter de navegar por um labirinto de regulações de privacidade – um para cada país – é um desafio assustador para cada empresa. 

Em 21 de maio de 2019, a Microsoft declarou que qualquer legislação nos EUA deve ser compatível com o GDPR de modo que as empresas não tenham que desenvolver sistemas separados para regulações em conflito.

Onde esse alinhamento certamente seria mais eficiente e menos dispendioso, as chances de isto acontecer são baixas. É por isso que as Regulações de Privacidade em Aceleração permanecem um risco claro e presente para a maioria das empresas.

Permaneça protegido e em conformidade

Manter seus dados de backup em conformidade e prontos para ação, se tornou um processo mais complexo e delicado com o advento do GDPR. Mas com planejamento cuidadoso e a introdução de políticas efetivas, pode ser rapidamente implementado – e fornecer alguns benefícios de negócio adicionais ao longo do caminho. Nossa equipe de Backup Gerenciado pode ajudar. Entre em contao e descubra o Backup Gerenciado

Equipe de Redação

Autor

Equipe de Redação

Deixa uma resposta