A metodologia SLM aliada à segurança virtual causa impactos no negócio

janeiro 27, 2020

Nos últimos anos, estamos cada vez mais acostumados a ouvir notícias acerca de grandes invasões e vazamentos de dados — e, nesse cenário, nem mesmo empresas gigantes estão totalmente protegidas. A segurança virtual é um tópico muito em voga devido a isso.

O desafio imposto a qualquer organização é acabar nas manchetes por ter sido a próxima vítima, sendo que boa parte das empresas estão buscando soluções de segurança para garantir a integridade e inviolabilidade de seus dados.

Essa busca acaba impactando os modelos de negócio e metodologias utilizadas na defesa virtual dos ativos de informação dentro das organizações. Neste post, vamos falar sobre essas transformações e as vantagens de investir na segurança virtual. Acompanhe!

Segurança virtual x segurança cibernética x segurança da informação

Em um primeiro momento, tínhamos o que poderia ser chamado de segurança de TI, com um enfoque voltado para a proteção dos ativos. O termo evoluiu, então, para a segurança da informação (SI), com um foco mais abrangente e voltado para o software, afastando-se do hardware.

No conceito de SI, o mais importante é a proteção da informação, o que é mais valioso e o real ativo exposto a riscos externos. Contudo, conforme a tecnologia foi avançando, mais uma evolução ocorreu, já que era necessário abranger a segurança física, a governança e o reconhecimento de acesso.

Assim surgiu a segurança cibernética (SC), responsável por lidar com toda e qualquer ameaça proveniente do cyber espaço — ou seja, um grupo particular de problemas e ameaças para a segurança corporativa, tendo a resposta rápida como uma de suas principais características.

Por mais que o cyber espaço possa parecer ligado apenas à internet em um primeiro momento, isso não é verdade. O termo se relaciona com qualquer forma de comunicação entre os dispositivos. Ou seja, um código malicioso injetado por meio de um pendrive pode ser considerado uma ameaça proveniente do cyber espaço.

Podemos dizer, então, que não existe uma diferença real entre a SI e a SC, mas a segunda está contida na primeira e, enquanto a SI tem um conceito mais amplo na busca da proteção da informação, a SC é mais específica.

Os impactos do SLM na cibersegurança

O Gerenciamento do Ciclo de Vida do Software (SLM) pode ser tratado como um conjunto de práticas de TI que reúne três pilares (processos, pessoas e tecnologia), com o intuito de controlar o ambiente e otimizar a utilização de software.

Por meio da aplicação do SLM, sua empresa pode gerenciar riscos de negócios, otimizar investimentos em software, controlar custos de TI e outros pontos interessantes.

Realizar inventários de dispositivos

Por meio do uso do SLM, é possível criar inventários completos dos ativos de TI, software e hardware, termos de contrato e licenças, garantindo muito mais controle e decisões inteligentes na hora de consumir qualquer ferramenta.

Quanto mais detalhes você e sua equipe tiverem acerca dos ativos utilizados, melhor vocês poderão lidar com os vários riscos que ele pode conter — consequentemente, protegerá as suas informações sensíveis.

Identificação de dispositivos inativos

Toda e qualquer brecha pode se tornar um risco para a segurança digital. É possível que pessoas mal intencionadas que buscam obter dados sensíveis sobre a sua organização usem dispositivos inativos como pontas de ataque.

Por meio do SLM, é possível identificar todos os dispositivos inativos e retirá-los do ambiente de TI, evitando qualquer problema.

Verificar autorizações e atualizações

Por fim, outro impacto direto do uso do SLM em sua empresa é a possibilidade de verificar autorizações de utilização e atualizações.

A conferência de identidade garante o acesso apenas de pessoas autorizadas, evitando que colaboradores ou qualquer outra pessoa sem autorização tenha acesso a determinados dados.

Já o controle de atualizações permite verificar de forma automática todas as demandas de atualização, garantindo que todos os seus ativos estejam rodando a última versão de software.

As vantagens da busca pela segurança virtual

São várias as vantagens na hora de implementar o SLM na busca pela segurança virtual. Entre elas, separamos algumas das mais importantes.

Segurança financeira

Vazamento de dados sensíveis podem trazer diversos problemas financeiros para uma empresa, como processos judiciais, multas de órgãos regulamentadores e até mesmo problemas de imagem no mercado.

Aplicar o SLM para melhorar a segurança garante que seus ativos estarão sempre atualizados e protegidos, evitando vazamentos de dados e suas consequências negativas para a sua empresa.

Economia

Ao aplicar o SLM na busca por melhoria na segurança da informação, também temos uma redução de custos, uma vez que podemos negociar melhores preços em licenças de software, já que todos os sistemas se tornam visíveis.

Temos uma visão geral acerca de todas as licenças existentes na empresa no momento atual e quais serão necessárias no futuro, trazendo poder de negociação. O mesmo se aplica na aquisição de dispositivos, uma vez que o SLM também pode dar uma previsão de demanda futura.

Disponibilidade

Qualquer falha pode prejudicar as operações da empresa, sendo que longos períodos de inatividade por problemas com software ou hardware podem levar a prejuízos irreparáveis.

Por conta disso, um dos principais objetivos das empresas ao investir em segurança da informação e aplicar soluções como o SLM é a disponibilidade, tempo no qual não há interrupção dos serviços de TI.

Ao ter todos os sistemas e dispositivos mapeados, é muito mais fácil realizar adaptações quando necessário, a fim de garantir que não haja nenhum tipo de interrupção.

Conformidade

Ao aplicar o SLM e obter maior visibilidade sobre todos os ativos de TI, é muito mais simples manter a conformidade com determinações de órgãos reguladores, buscando atender a todas as especificações exigidas.

Quando falamos em setores altamente regulados, a exemplo do financeiro, saúde, farmacêutico, entre outros, essa visibilidade é fundamental para garantir que todas as normas estão sendo cumpridas e evitar sanções ou problemas.

Organização

Por fim, a busca por segurança e a aplicação do SLM acabam por trazer mais organização para o setor de TI, que consegue controlar de forma muito mais simples todos os seus ativos, garantindo eficiência em suas atividades.

A segurança virtual já não é apenas um diferencial para que as empresas se destaquem no mercado. Hoje, ela pode ser considerada algo fundamental para a proteção de dados dentro das organizações — e, nesse processo, a aplicação do SLM pode ser uma boa forma de auxílio.

Gostou do conteúdo? Então, fique por dentro de nossas próximas publicações, assinando agora mesmo nossa newsletter!

Avatar

Autor

Jefferson Tolentino

Com mais de 12 anos de experiência na área de tecnologia da informação e background em serviços de consultoria, Jefferson teve experiência em projetos de grande porte para Colaboração, Produtividade, Analytics e Governança de Software. Tem como principal missão apoiar os clientes da SoftwareONE na jornada de transformação digital levando o conceito de jornada de Ciclo de Vida de Software (SLM) apoiado em consultoria de Processos, conformidade e otimização.

Deixa uma resposta